segunda-feira, 12 de julho de 2010

urgência

Agora mesmo
preciso desesperadamente
chegar em casa.

Fechar a porta
trancar a dor
e chorar a minha saudade
em paz.

4 comentários:

Isa disse...

Adoro seu blog, você usa as palavras certas, nas horas certas, até parece q está narrando minha história de vida...

Eloisa disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
{ * } disse...

Isa,

Obrigada por deixar suas pegadas por aqui.

Um abraço,
K.

Eloisa disse...

Que bom, ler suas belas palavras novamente, já tem mais de um ano q conheço seu blog e desde então nunca deixei de entrar, ficou tempo sem escrever. Nunca deixe de escrever...

Beijos!

Eloisa

(graciaraeloisa1@hotmail.com)